Cria Arquitetura | Imprensa : Quartos de Casal nº6

Quartos de Casal nº6

Quartos de Casal nº6

Luz natural valoriza a decoração

No interior do Estado de São Paulo, a casa pedia um projeto que valorizasse a mata nativa que a cerca, sem esquecer de inovações funcionais para o casal de proprietários.

O cheiro de relva molhada está no ar, vindo das fartas áreas verdes preservadas no condomínio em Valinhos, interior de São Paulo. Pequenos sagüis assobiam ao longe, soltos na mata, lembrando a quem está na charmosa residência de campo que, lá fora, a natureza mostra sua vida para criar um clima de relaxamento e bem-estar.

Para desenvolver uma casa que não conflitasse com esse entorno, as arquitetas Maira Del Nero e Juliana Boer, da Cria Arquitetura, trabalharam os desníveis do terreno com maestria, instalando os quartos na parte mais alta e distante da rua – evitando, inclusive, contato com as áreas de lazer, mais ruidosas. Para adaptar a arquitetura do imóvel ao relevo natural, as profissionais recortaram cômodos, criando ângulos diferenciados que podem ser conferidos, por exemplo, nas paredes anguladas que comportam as portas-balcão da suíte do casal.

Para conectar o quarto principal ao clima exterior, sem perder a classe e o aconchego, um suave tom de verde foi escolhido para as paredes, destacando as texturas dos móveis e acessórios de juta, que conferem uma sutil rusticidade que não interfere no conforto, nem na elegância. Falando em conforto, o carrinho sobre a cama é o destaque do ambiente: é mesa para refeições, bancada de trabalho, apoio de leitura... Sua versatilidade permite que os moradores usufruam de toda a tranqüilidade do quarto, que não possui equipamentos eletroeletrônicos para não quebrar o clima de paz que reina absoluto. Observando as roupas de cama, duas peças merecem destaque. São as capas de almofadas de linho, com mais de 70 anos de idade. Cheias de história, as peças foram ganhas de presente no casamento da avó da proprietária e, por incrível que pareça, ainda conservam a aparência e a cor branca originais. Mais herança na cômoda em estilo clássico: a arquiteta sugeriu uma revitalização do móvel, através da pintura branca com toques de rusticidade. O resultado deu à peça a leveza necessária para se encaixar na atmosfera do quarto, que ainda ganhou mais gavetas para guardar roupas e objetos pessoais.

Arrematando a suavidade presente, as leves cortinas de voil permitem que a luz do sol entre sutilmente no ambiente, definindo contornos em um imóvel tomado pela iluminação natural.